Translate this!

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Ser butch ou lady, tanto faz ...







“Algumas mulheres/meninas queimam o filme das sapatões desse país. Nós lutamos tanto por respeito diante da sociedade e me aparece um bando de sem noção pra pisotear em cima da nossa imagem? “


Você que é lésbica algumas vezes já pensou nisso ? Quando viu uma mulher muito bofe escancarando pra Deus e o mundo o seu orgulho por ser homossexual enquanto beijava uma outra mulher na rua já fez algum comentário semelhante? Pois é, você então tem vergonha da “sapata alheia”.


Foi dessa forma que eu vi escrito num blog. Mulher que é mulher, age como mulher! Pra mim é assim quem tem que ser. Tudo é um questão de estilo, você pode muito bem cortar o cabelo, usar calça jeans, camisa largada e um tênis, certo! A depender do modo que você se comporta isso vai parecer bem charmoso, cada estilo faz sucesso a seu modo ( confesso que também gosto de mulheres com um visual mais despojado) agora cortar o cabelo bem baixinho, usar calça folgada e cueca aparecendo , andar toda largada, coçar o saco e sair por ai dizendo : “ Oi gente eu sou homem e eu gosto de mulher !” NÃO MESMO ! isso já é o ridículo, não é ridículo o jeito que você usa a calça ou corta o cabelo , é ridículo o seu modo de agir é esse seu jeitinho de '' mamãe quero ser homem" Só porque você gosta de mulher não significa que você precisa torna-se um homem. Eu realmente acho que algumas atitudes parecidas como essa , que geralmente são tomadas por mulheres imaturas, queima o filme de uma lésbica . Também não estou querendo dizer que só porque você é uma mulher precisa estar em cima de um salto toda hora ou desfilando com saias e maquiagens. Tudo é uma questão de escolha pessoal. As roupas e a aparência não definem quem a pessoa é e não é a aparência  que envergonha são as atitudes , os comportamentos alheios porque a roupa pouco importa quando o importante é estar bem consigo mesma. O que quero dizer é que ninguém precisa andar por aí agindo dessa forma só pra provar que gosta de mulher; tem orgulho? Ótimo, eu também tenho orgulho de ser lésbica; quer se expressar? Opa, sente-se confiante o bastante, vamos lá! Agora saiba bem como se expressar pra não cair no ridículo.




Então é isso aí, um beijo a todos e a todas, quero desculpar-me a ausência essas semanas e dizer que estou de volta . ;9

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

15 comentários:

Ma disse...

Confesso que senti níveis altíssimos de homofobia interna nesse post. Antes de lutar pelo direito de exercer nossa sexualidade, temos de lutar para exercer o direito de ser o que somos. Se ela é feliz assim e não está infringindo nenhuma lei, why not? Todos os homossexuais tem que serem aceitos pela sociedade, assim como todo seu universo, que vai desde o gay/lésbica com aparência mais hetero até os travestis, caminhoneiras e etc....

Criticar as caminhoneiras é o mesmo que criticar emos, pagodeiros, funkeiros e etc pelo seu visual, como se valessem aquilo que vestem/ouvem. O que faz uma sociedade boa é a diversidade dela, e não o encaixe das pessoas em estereótipos

Enfim, na minha opinião, falou merda

Anônimo disse...

e o que vc tem haver com o estilo alheio? cada uma é feliz ao seu modo, logo esse post é totalmente desnecessário, homofóbico. SEJA SAPA, MAS SEJA BONITINHA, NÃO ENVERGONHE A CLASSE HOMOSSEXUAL. Esse é um blog de defesa dos bons costumes heterossexuais e femininos? Cada um sabe da sua vida e DA SUA ROUPA.
PODRE!

Miss Violet disse...

Então , como já falei estou sempre aberta e aceita as críticas de todos e concordo que todo mundo tem liberdade de se expressar como queira... repare bem no título da minha postagem e faça a interpretação do texto antes de julgar ! e acho que fui bem clara quando citei que A ROUPA E A APARÊNCIA POUCO IMPORTA ! o que eu estou falando aqui é de ATITUDE, é do excesso de IMATURIDADE ! ok ?

Kylie disse...

mas criticar a atitude de uma pessoa não é preconceituoso?? sinceramente, quando ela diz se vc é mulher aja como uma fiquei confuso afinal, o que significa agir como mulher? onde está o manual de instruções??? nossa fiquei realmente decepcionado quando li este artigo, principalmente porque sempre vi o blog como uma forma de lutar contra os preconceitos e a ignorância, mas percebi que ainda estamos longe disso pois se não aceitamos a diversidade entre nós mesmos como podemos esperar que a sociedade tenha este tipo de atitute que tanto cobramos, mas não demonstramos com os nossos semelhantes

Dicliife disse...

Olha querida Miss Violet gosto muito de você, porém fiquei chateada com o seu post. Não vou critica-lo, nem dizer que ficou uma m.. O meu ponto de vista é o seguinte:
Achei desnecessário um post curto, confuso, com uma imagem que eu achei ''Poots, modelos fazendo papel de homo, WTF?''
Ok, se fosse só isso nem comentária, mas falar de feminismo em blog LGBT achei tenso da sua parte. Sou bofinho e me senti meio humilhado. Quer dizer que é assim mamãe quero ser homem? Meu estilo é esse? Para você sou a vergonha do seu ''mundinho Lesbian Chic''.
Meu cabelo raspado e o meu afeto em publico incomoda mesmo
o seu mundinho de ''Sou lésbica mais me comporto como hétero''. Olha te respeito bastante, só que foi uma bola fora esse post se eu fosse você DELETAVA.
Acho que ele só vai trazer mais confusão e não vai acrescentar em nada ao SAV que é um blog tão do bem.
Você fala de atitudes, mas a sua de ''atingir'' nós bofinhos foi infantil é o mesmo que criticar as pessoas que tem 80% do corpo tatuado. Então essas pessoas queimam o filme dos que gostam de tatuagem? Que ter uma, duas, três no máximo é não perder o senso do ridículo?
Querida Violet ficou tanto tempo sem postar e me vem com palavras vazias.

Seja polemica, mas seja com coerência quem é intolerante colhe intolerância.

Palavras da Jenny do Clube das Fanchas

Andrea disse...

eu também vim aqui dar a minha opinião , eu entendi o que a Miss quis dizer na postagem dela , compreendir a sua crítica e na verdade acho que polêmico mesmo é o comentário que voces estão fazendo , desencadeando uma série de assuntos que afinal nem foram abordados pela autora . eu sou de São Bernardo , tenho 29 anos, sou lésbica, casada , aah, também sou bofe rsrsrs . Confesso que não me sentir oprimida com o post, eu li alguns outros post e percebi que ela tem um jeito muito jovem de escrever e logo compreendi qual era o publico a que ela se referia, olhem mais a sua volta , hoje em dia é o que vemos com frequancia , são jovens imaturas que se comportam de forma tão ousada que acbam perdendo a noção das coisas, acho que é esse o assunto abordado e não a roupa que visto ou que voces vestem .

Alê disse...

E pq precisamos heteronormatizar a homossexualidade? Pq a butch, a dyke, a bichinha escandalosa "suajm" a imagem? Que imagem?

Pelo que eu li nos comentários, vc é jovem. Te direi, do alto dos meus 40, que pra homofóbicos tanto faz se vc é discreto ou bichinha, lady ou dyke. Na hora do vamos ver só interessa q vc trepa com alguém do mesmo sexo. O resto é detalhe.

O máximo q a heteronormatização da homossexualidade (com gays/lésbicas limpinhos, adestrados e prontos pra serem adotados por héteros) vai fazer é que nos tolerem. Como um móvel feio. Q só fica ali pq é silencioso, não dá pinta e não exige nada.

conhecimentos disse...

Olha se você curte uma aparência bem masculina vai em frente! quem liga pra convenções e padrões!você? eu não dou a mínima, adoro quem é original, é quem é e pronto! livre e solta! Adoro meninas que querem ser homem, ou quase homem, ou que são super femininas ou até sei la o quê!O importante é você ser feliz do jeito que vc se sinta feliz, ridículo é se preocupar com que os outros vão pensar e falar, além do mais o que é o jeito normal e natural de ser, além de uma imposição de uma sociedade heteronormativa! Quando alguém disser que se envergonha por suas atitudes, liga não boba,e se disser que você é sem noção só pelo fato de não pontuar no quesito convencional "padrão", boa! Não se preocupe em queimar o filme de ninguém! pois a tal maturidade só existe na cabeça de quem ainda está meio presa no armário das convenções! quem ainda tem por mais que não aceite uma lesbofobia internalizada!

Monny disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Monny disse...

Pois é cada um com sua opinião neh! Eu respeito a todos mas não acho legal mulher querendo ser homem, mas se tem lésbicas que se sente feliz e etc agindo assim então que sejam felizes neh!
Entendi o ponto de vista da Miss Violet, eu já me vi achando uma coisa do outro mundo mulher coçando um "saco imaginário" por um acaso tem que fazer isso pra provar que gosta de mulher? Achava feio alias acho, mas fui percebendo que todos tem que agir do jeito que quer e se sente bem! Agora me peguei imaginando uma coisa: Vcs lésbicas que querem ser homem pq eu ainda não vi namorando um gay? Homens gostam de homens no nosso mundinho neh ou será que um bofinho só pode namorar mulher?
Enfim, Miss Violet, vc não pecou em nada só expôs sua opinião e o fato de vc ser lésbica não tem que pegar leve com a classe! Mundinho hetero, homens acabam com mulheres e vice versa, nós homossexuais temos que lutar por nossos direitos diante a sociedade mas não significa que eu vou achar lindo pra agradar a classe. Num manifesto eu vou levantar a bandeira por gays, lésbicas , travestis, bissexuais e etc... Mas tenho todo direito de expor que acho feio uma mulher coçando seu saco imaginário, elas achando isso preconceito ou não, mas felizmente respeito! De uma coisa é certa minha opinião vale mais que qualquer sociedade ou um determinado grupo que se incomoda com minha opinião!
Se incomodem com os que realmente são homofóbicos e não por uma lésbica que acha feio atitudes de algumas sapatas, achar feio não quer dizer que vou te espancar até morte ou derivados!

Monny disse...

Alias achar feio uma atitude gay vai te levar a um espancamento sim, mas se essa opinião vir de um homofóbico neh gente!
Como opinião difere de pessoa a pessoa vcs tbm tem todo direito de não concordar com o post da Miss Violet como ela tem o mesmo de publicar o que ela bem entender!
Enfim...

divagacoesedevaneios disse...

Tu tem todo o direito de discordar [sinceramente também não curto muito isso]. Agora quando você chega e diz "isso queima o filme das lésbicas", tá criticando e segredando. Acho que somos um grupo excluído demais pra ficar gerando mais ofensas e separações, o lance tá em incluir..e aceitar como a pessoa é.
Essas atitudes não tem a ver com imaturidade, é como a pessoas gosta de ser, como se sente a vontade. E quando você desaprova isso, o que elas escutam não é uma crítica as atitudes, mas sim as pessoas que elas são.

Mas enfim, post bom é esse, que permite a discussão e a troca de idéias, não?

divagacoesedevaneios disse...

Concordo com a Kylie.. qndo ela diz q: "quando ela diz se vc é mulher aja como uma fiquei confuso afinal, o que significa agir como mulher?"

Acho q rolou aí uma questão de gênero. Não há limites reais sobre até onde se age como mulher e onde não, mas há uma convenção social silenciosa sobre um "padrão correto de mulher". E sair desse padrão causa desconforto em quem acredita nele...

Anônimo disse...

vão todo mundo pra puta que pariu, bando de cú

Anônimo disse...

é a minha primeira vez aqui gostei tá miss violet,beijos!!!{rosa}

Postar um comentário

 
Powered by Blogger