Translate this!

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

E quando a homofobia parte do próprio homossexual?



Eu gostaria de iniciar meu post com a seguinte matéria que estampou jornais e sites do mundo todo logo no inicio dessa semana:

NOVA YORK - O modelo português Renato Seabra, de 21 anos, confessou nesta segunda-feira o assassinato do famoso jornalista Carlos Castro, de 65 anos, compatriota com quem mantinha um caso, em um luxuoso hotel de Manhattan, Nova York (EUA). Segundo relato dado aos policiais, o jovem disse que matou Carlos para se "ver livre de demônios e de vírus". O modelo contou que agrediu o cronista durante mais de uma hora com pontapés e socos antes de bater com o monitor de um computador na cabeça do amante e em seguida castrá-lo usando um saca-rolhas.

- Já não sou gay - teria dito Seabra aos polícias, segundo fontes citadas pelo jornal "New York Post", na ala psiquiátrica do Bellevue Hospital, onde foi internado depois de ter feito cortes nos pulsos, numa aparente tentativa de suicídio.

Renato será indiciado por homicídio em segundo grau.

Castro e Seabra estavam de férias em Nova York. Eles estavam hospedados no InterContinental Hotel e só deviam regressar a Portugal no dia 15. O crime aconteceu a poucos quarteirões da badalada Times Square.

Segundo testemunhas, eles teriam tido uma forte discussão no quarto de hotel antes da tragédia. Durante a briga, o modelo teria dito ao jornalista que não era homossexual e que só namorava com ele pelo seu dinheiro e influência na alta sociedade. De acordo com o atestado de óbito, o jornalista morreu em decorrência de trauma na cabeça e estrangulamento. O documento não confirma a castração.

Nascido em Angola, Castro trabalhou para várias empresas da mídia portuguesa, como os jornais "Diário de Notícias", "24 Horas" e "Correio de Manhã". Amigos do jornalista disseram que ele e o modelo mantinham um relacionamento e dividiam a suíte no hotel. Os dois estariam em Nova York para acompanhar os festejos do réveillon e assistir a espetáculos da Broadway.

Investigadores disseram ao "NY Daily News" que acreditam que o modelo tenha atacado Castro após ter sido acusado pelo jornalista de roubar dinheiro dele.

Seabra participou no ano passado de um reality show na TV portuguesa chamado "A Procura Do Sonho", cujos participantes eram todos modelos em busca de fama.

Fonte: Jornal O Globo.

Passamos tanto tempo preocupados com a homofobia por parte dos heterossexuais que nos esquecemos de conscientizar a nós mesmos sobre a nossa orientação, não sou psicólogo nem profissional da área de saúde, mas creio que se a homossexualidade deixasse de ser um tema polêmico e fosse tratada nas escolas, nas famílias e na sociedade de maneira natural como uma condição, poderíamos evitar crimes bizarros como o que acabamos de ler na matéria do jornal o globo.

Acredito que pelo menos 50% dos crimes de homofobia cometidos em todo o mundo parte dos próprios homossexuais, que como o Renato não conseguem aceitar-se do jeito que são seja lá por qual for o motivo. Em tempos de luta a favor da criminalização da homofobia não podemos apenas prender os agressores, devemos sim conscientizar a sociedade para que as nossas crianças não cresçam dentro do padrão de cultura primitiva quem vem se arrastando ao longo dos séculos, temos que lutar contra o achismo de que ballet é coisa de viado e garota que joga futebol vai virar sapatão. Pensar desta maneira é o mesmo que acreditar que na crendice popular de que mulher que faz sexo com padre vira mula sem cabeça!

Vamos dizer não a ignorância! Vamos dizer não a programas evangélicos que tratam a homossexualidade como coisa do demônio e que são exibidos diariamente na tv aberta. Incitar a homofobia é como ter coparticipação nos crimes hediondos como este!

Reflitam em como vocês estão educando os seus filhos, pois inibir a homossexualidade não é cura-la! Conversem, expliquem, orientem!

Tentem não criar um Renato Seabra dentro da sua própria casa.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

7 comentários:

Glauber disse...

Infelizmente uma parte dos assassinatos contra homossexuais é feito por um parceiro, é bizarro esse modelo, dizer q n é gay, q estava só pelo $$$ e estilo de vida do jornalista.Pois é, um michê e agora vai apodrecer a beleza dele na cadeia!

Flavio disse...

Q loucura, esse modelo é um safado, ele merece cadeia, tem uma relação com uma pessoa e matar a pessoa

Nickholas Greenfer disse...

Pra mim isso meio que não é novidade. Mulheres machistas e Negros racistas é o que mais se vê por aí. Muitas vezes são eles mesmos que iniciam o preconceito em certos pontos da sociedade.

Mas é engraçado ver uma cara que se chama Castro ser castrado. Desculpa. HAHAHAHAHAHAHHAHAHAHAHA!

Lady's disse...

Nossa que trsite isso, na verdade deu pena do modelo, pq vai saber o que ele passou para ser tão transtornado em relação a sua sexualidade
claro que isso não justifica a morte.

Piettro Pimenta disse...

Ninguém tem o direito de tirar a vida de outra pessoa, porém Não deposito toda a culpa no Modelo... Manda quem tem Poder.... Sabe se lá o que esse modelo Passou Para ter tomado Essa Atitude...., Esses Caras Velhos que procurar Meninos novos e Belos para se sentir Vivos, destrói com o psicológico de qualquer um... Confesso que Já Pensei Em Milhares de formas de Matar O francês que vivo... Desculpe-me os Velhos... Depois Que Conheci Essa Europa... Eu tomei Odio De Velho... tenho Repulsa! Aff.
São Nojentos, Apavorantes, Arrogantes e ainda fazem situações para que nos Jovens e Belos nos sintamos muito mau diante De algumas situações e por Estarem no poder Acha Que pode Tudo!
Confesso Que Estou triste pelo Garoto que não segurou a onda e tomou essa Atitude...
Agora falando da Castrada... Aff!.... Prefiro não mais comentar... posso parecer cruel demais.

DPNN disse...

Infelizmente não interessa à militância gay mostrar que gay também mata seu semelhante. Teve um pessoal que fez uma investigação com os assassinatos de gays no brasil e o que se viu foi que grande parte era vítima de parceiros, ou clientes (além de dívidas de drogas etc), mas ainda se insiste na tese alarmista de que todo gay morte se deve à homofobia...

Afrodite disse...

Fiquei chocada com teu post!
Situação ridícula...

Voltei,amore!
E passei aqui pra te deixar um beijo!
Obrigada pelo carinho sempre!
Beijo!

Postar um comentário

 
Powered by Blogger