Translate this!

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

A primeira vez a gente nunca esqueçe..


Minha primeira experiência homossexual aconteceu depois de algumas semanas de visitas a salas de Bate Papo da Uol (lésbicas).

Depois que o meu último namorado tinha se revelado gay, eu comecei a me questionar: “Porque não conhecer um pouco mais esse lado da vida?!” Como frequentemente saiamos para a aula de Canto Coral e depois esticávamos até ao CyberCafé mais próximo (a inclusão digital ainda não existia), foi mais fácil ter um contato com outras pessoas que também tinham curiosidades como as minhas. Ficavamos horas nessas salas e num desses dias, conheci aquela que seria a primeira mulher com qual eu me envolveria. Ela se Chamava Line, depois de algumas frases com ela na sala, partimos para o MSN, ela era casada, tinha 28 anos e seu marido sabia da sua bissexualidade! Ela me deu seu número e eu muito curiosa liguei, Ah!, não custava nada, só estava conhecendo uma nova amiga! Liguei!, e quando ouvi uma voz bem doce e meiga do outro lado da linha, senti meu corpo estremecer de uma maneira que nunca tinha sentido antes!

A Line tinha uma voz macia como um veludo. Ficamos horas no telefone, e eu fiz vários e todos os tipos de perguntas a ela, afinal ela tinha experiência e eu só estava começando, ela me respondia tudo sem nenhum constrangimento. E foi assim durante algumas semanas, nosso contato acontecia por internet e/ou telefone. Eu já me sentia a vontade conversando com ela, e a cada dia minha vontade de conhecê-la pessoalmente aumentava.

Eu ficava imaginando como seria seu toque, sua boca percorrendo meu corpo... e ficava excitada só de pensar nisso! Line foi quem tomou coragem e fez o convite: "Porque você não vem a minha casa? Tomamos um vinho conversando e se você se sentir a vontade..."

Combinamos que seria no dia seguinte pela manhã, eu saí de casa dizendo a minha mãe que iria a escola, fui andando até o lugar que havíamos marcado e quando cheguei pude ver um carro parado. Era ela e não estava sozinha, Seu marido a acompanhava! Não posso descrever o misto de sensações que tive na hora, era uma tremedeira, um calor que subia meu corpo, uma ansiedade...

Line saiu do carro e me cumprimentou, e ficamos conversando por uns minutos, ela me explicou que seu marido tinha vindo porque ela não sabia dirigir. Entramos no carro e partimos pra sua casa. Ao entrar ela me conduziu a sala e me ofereceu uma taça de vinho, pra descontrair o ambiente! Ela sabia muito bem o que eu queria e então colocou um filme erótico, na cena estava duas mulheres se tocando , se beijando.. e sentou ao meu lado. Eu estava sem jeito, sem saber direito o que fazer, ela perguntou se poderia tocar nos meus seios, pois tinha achado eles tão bonitos, eu disse que sim e quando ela tocou senti minha pele arder, não demorou muito e ela começou a beijá-los, passar a língua e mordiscá-los... eu me entreguei a sensação, Sua mão percorria todo meu corpo de uma forma urgente! Ficamos um tempo brincando uma com a outra e então eu percebi uma coisa: Seu marido estava observando escondido, e percebi que ele estava se masturbando! Aquela altura eu já estava tão imersa nas minhas fantasias, que acabei aceitando que ele se aproximasse e nos observasse mais de perto.

Continuamos nossas taras e pela primeira vez pude sentir a boca de uma mulher tocando meu sexo.. Humm! O prazer foi se intensificando e chegamos ao clímax.. seu esposo olhava a cena aturdidamente e também chegou lá...

Line e seu esposo me deixaram perto de casa como tinha sido combinado e ficamos de nos ligar e marcarmos outras aventuras.

Detalhe que nesta época eu ainda era virgem, no sentido de nunca ter sido penetrada por um homem, e no entanto não me privava de certos prazeres sexuais!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

6 comentários:

Claudia disse...

Menina, adoro sexo, tenho vontade, mas fico com receio, vc foi corajosa, fico feliz.
Parabéns pelo texto.

Afrodite disse...

Olha,fiquei excitada com a tua estória!
Conte mais sobre qq hora dessas!
Beijo!

Lady Jane Grey disse...

humm biscatisse ehhehheeh
adoro
ahushuashusha

Lucas Greenfer disse...

Paudureci com todas as forças. Parabéns, texto tão delicioso quanto você :)

Melissa disse...

Genteee.. calma calma... vcs estão com os hormonios a flor da pele! rsrs

Anônimo disse...

teve uma vez que eu e a amiga da minha vizinha nos pegamos muito bebadas ,começamos a nos chupar foi delicioso demais só que o meu namorado chegou e eu fiquei com medo e vergonha mas ele sabia o que estvaa se passando , queria participar mas eu ciumenta não quis coloca-lo no meio disso

Postar um comentário

 
Powered by Blogger